Musicoterapia para o Povo

Segundo o site do UOL, a cantora Ivete Sangalo fez ontem, dia 18, um show para marcar a inauguração do Hospital Regional Norte (HRN), em Sobral, no Ceará, por um cachê de 650 mil reais. O valor veio à tona porque o Ministério Público de Contas daquele estado recomendou a suspensão do pagamento. Não fosse por isso, o caso bem que poderia ter passado despercebido. Ainda segundo o UOL, nem o governo Cearense nem a assessoria da cantora quiseram se pronunciar sobre o caso (http://noticias.uol.com.br/cotidiano/ultimas-noticias/2013/01/18/cache-de-ivete-sangalo-em-inauguracao-de-hospital-no-ceara-e-contestado-pelo-mp.htm).

Consultando o Edital do concurso que selecionou profissionais para o HRN, vemos que lá um enfermeiro ganha cerca de 2.300 reais por mês, um técnico de enfermagem, 850 reais, e os médicos de mais alta qualificação, menos de 6.000. (http://concursosnobrasil.com.br/concursos/edital/edital-hospital-regional-de-sobral.html). Portanto, a diária de uma cantora famosa vale a renda anual de nove ou dez médicos especialistas, 22 enfermeiras ou 60 técnicos de enfermagem, incluindo o décimo terceiro salário, e antes dos impostos.

Gostaria de acreditar que o episódio está permeado de boas intenções, pois como se sabe, há fortes indícios de que a música (isto é, a boa música) tem efeitos terapêuticos importantes. Logo, governo do Ceará estaria na vanguarda, oferecendo, além de um novo hospital, musicoterapia de massa para o povo sofrido. Porém, acredito mesmo é em mais um contrato superfaturado, com comissões polpudas irrigando bolsos ávidos e inescrupulosos. Negócios de rotina – business as usual –, na política brasileira e pelo mundo afora.

Os imperadores romanos falavam em “pão e circo” para o povo. Os nossos políticos, com dois milênios de atraso, mantêm vivo o ditado: mesmo quando não há pão, garantem o circo, em conluio com empresários ardilosos e artistas alienados. Na falta de saúde digna para o povo, o circo celebra até mesmo a saúde indigna que há.

2 ideias sobre “Musicoterapia para o Povo

  1. Cláudio Amorim Autor do post

    Segundo as últimas notícias, o Ministério público quer que o dinheiro seja devolvido aos cofres do estado, mesmo que saia do bolso do governador. Nem a cantora nem a sua assessoria querem se pronunciar. Ninguém vai devolver nada e o assunto será esquecido. É que os fãs não estão nem aí: o show deve continuar!

    Resposta
  2. Tiago Pereira

    Estava lendo seus textos professor, desde o primeiro pois acabei de saber do blog pelo ultimo email que enviou aos alunos de si da uneb, quando me deparei com esse texto…triste e parando pra pensar, esse “evento” foi apenas o ensaio (como esses artistas gostam de chamar) pra uma calamidade ainda maior: Salve o Carnaval.

    Resposta

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s